COMO SE REVELOU JESUS, CHICO XAVIER E DALAI LAMA EM REALă├O └ MALEDICÊNCIA?




UMA MENSAGEM DE LUZ INTEGRAL AO MALEDICENTE!


“Não dará falso testemunho contra o seu próximo.”

“Julgar o próximo é julgar a si mesmo.”

“Vós julgais segundo as aparências, quanto a mim não julgo ninguém.”

“E quando julgo, o meu julgamento é conforme a verdade porque não estou sozinho, mas com aquele que me enviou.”

“Meu julgo é leve!”

JESUS CRISTO



“Só o riso o amor e o prazer merecem revanche. O resto mais que perda de tempo... é perda de vida.”

“Fico triste quando alguém me ofende, mas eu ficaria mais triste se fosse eu o ofensor... Magoar alguém é terrível!”

“Aos outros eu dou o direito de ser como são, a mim, dou o dever de ser cada dia melhor.”

CHICO XAVIER


CHICO XAVIER - Francisco Cândido Xavier, conhecido como Chico Xavier, nasceu em Pedro Leopoldo, interior de Minas Gerais, no dia 2 de Abril de 1910. Foi um dos mais conhecidos espíritas do Brasil. Chico Xavier morreu em 2002 já com 92 anos de idade.


“Responder a ofensa é lavar a alma com lama. O silêncio é um dos argumentos difíceis de rebater.”

DALAI LAMA

 

DALAI LAMA - Dalai Lama é um monge budista Tibetano. O atual Dalai Lama é Tenzin Gyatso, o 14º Dalai Lama e é ao mesmo tempo líder temporal e espiritual do povo tibetano.



Hoje, sabemos muito bem identificar a maledicência. Jesus sofreu muito com a maledicência dos religiosos da sua época. Procure observar as colocações negativas, as palavras negativas ou maledicentes ou as palavras ríspidas, maldosas das pessoas. O maledicente é aquele que vive falando mal das pessoas ou das matérias dos outros com intenção de deprimir ou denegrir a imagem da pessoa sem nenhuma coerência. O maledicente é aquele que fala mal de alguém, diz calúnias, é difamador, fofoqueiro, realiza intriga, boateiro, o que aconselha de forma ridícula, utiliza de expressão grosseira, etc. Os fatores emocionais associados à maledicência são o julgamento, a culpa, a insegurança, a arrogância, a inveja, a intolerância e a mágoa. Os estudos íntimos mostram que a maledicência é disparada nos casos de insegurança, inveja, arrogância, julgamento, mágoa, etc. Hoje, sabemos que a educação espiritual e emocional pode fazer o bom uso da palavra. Os maledicentes devem se adaptar ao século XXI, isto é, ao século da luz, da informação, do conhecimento, da integração, do diálogo, da intuição e do estudo da interação mentecorpo de modo integral nos sistemas vivos.

Será que eu não posso mais usar as palavras ou logias de Jesus?

O que leva a pessoa falar mal da outra?

O que leva a pessoa julgar rapidamente a outra sem conhecimento e nem vivência com o outro?

Será que essas pessoas são pessoas amorosas, fraternas, solidárias, humildes, não invejosas, não orgulhosas, respeitosas, tolerantes, pacientes?

Será que essas pessoas são confiáveis e espiritualizadas?

Vocês sabiam que palavras podem ferir e destruir uma pessoa mal preparada psiquicamente?

Será que os maledicentes sabem que amar servir e perdoar são os pilares da felicidade?

Vocês sabiam que quando falamos podemos emanar vibrações negativas agressivas e doentes?

Procure observar melhor o maledicente a partir dessas informações negativas e de suas verdadeiras neuroses?

Será que não devemos reconhecer a qualidade das informações que um espírito está passando de modo integral em relação à espiritualidade e a ciências no século XXI?

A paz não é unidade na semelhança, mas sim a unidade na diversidade, no respeito às diferenças. Diferenças não são defeitos. Aprenda esse segredo e conquiste sua liberdade espiritual e pessoal. Quando aprendemos a viver bem com os diferentes e suas diferenças, a nossa vida fica bem mais leve. Devemos entender que a riqueza está justamente nas diferenças. As críticas são válidas quando são construtivas e verdadeiras e não destrutivas. Se respondermos as ofensas das palavras ríspidas ou maldosas dos maledicentes lavamos a alma vivente com lama e aceitamos o seu lixo psíquico ou sua sombra. O que é a sombra? O termo sombra diz respeito ao “lado escuro” da psique, isto é, aqueles aspectos que nós mesmos desprezamos, rejeitamos, negamos, escondemos de nós mesmos, projetamos nos outros ou não reconhecemos de uma maneira ou de outra. A sombra é o “inconsciente reprimido” na psicoterapia. Por que reprimido? Reprimido porque a empurramos para fora da consciência, e inconsciente porque não temos consciência dela. Na verdade a sombra não é inócua, pois ela se expressa através de meios distorcidos e pouco saudáveis que são chamados de neuroses. Quando aspectos do eu são empurrados para fora da consciência, o estagio saudável de desenvolvimento fica comprometido. Devemos sempre enfrentar a nossa sombra. Seja dono da sua sombra ou ela será a sua dona. Luz e sombra existem em todos os seres vivos, aquilo que mais alimentarmos sobressairá em nós. Nunca devemos esquecer que onde a luz a sombra. Devemos levar a luz da consciência para a sombra. A verdade é filha do tempo e da época e não da autoridade religiosa ou científica. Nesses casos não devemos atacar o maledicente. Hoje, sabemos que nestes casos o silêncio é ouro e a palavra é prata. O silêncio sempre foi um argumento difícil de rebater, não é? Devemos lembrar que o outro também tem luz e consciência. Sabemos que na verdade nada disso combina com a luz escondida que existe dentro dele nesse momento infeliz e passageiro. A consciência desprovida do ego deve ser sempre o nosso guia. Sei que estamos incomodando muito nesse momento de transição planetária onde os edifícios do passado desmoronam no tempo em relação aos dogmas e mitopoeses. Se for possível esteja sempre à frente de sua época ou de seu tempo; caso não seja, nunca fique atrás. Ficar atrás num período de transição planetária é desastroso. Estamos apenas na busca da verdade. O amor universal é a meta de todo ser. O amor é o maior alimento para o espírito. O amor é o único elo que pode realizar o ecumenismo e a união das civilizações planetárias. Somos todos irmãos espirituais oriundos da mesma Matriz Divina.

Cora Coralina foi fantástica ao dizer o seguinte: “O saber a gente aprende com os mestres e com os livros. A sabedoria se aprende com a vida e com os humildes”. Sabedoria é conhecimento aplicado. Sabedoria é luz coerente em ação.

A sabedoria budista indica sete passos para dominar a consciência fora do ego.

. Não se sentir ofendido.

. Libertar-se da necessidade de ganhar.

. Libertar-se da necessidade de ter razão.

. Libertar-se da necessidade de ser superior.

. Libertar-se da necessidade de ter cada vez mais.

. Libertar-se da necessidade de identificar-se com seus êxitos.

. Libertar-se da necessidade de ter fama ou reconhecimento.

Despertem Seres Humanos! Que tal despertar nessa linda manhã de sol ou nessa linda noite de luz e de lua cheia dependendo onde você estiver no planeta?

Só existe coragem quando há desafio. Aquele que nada teme é um louco ou apenas finge que é corajoso. Ser corajoso é escolher o certo, a verdade, quando a escolha é difícil. Isso não tem nada a ver com glória como alguns falam sobre esse assunto. Devemos entender que a real bravura só mira no prêmio da consciência. A virtude não necessita de aplausos e sim do silêncio da consciência tranquila. A consciência fora do ego deve ser sempre o nosso guia. Consciência é luz coerente. Consciência é informação coerente. Consciência antes de tudo é memória. A valentia é o antídoto contra a nossa sombra mais conhecida da mente, isto é, o medo. O termo sombra diz respeito ao “lado escuro” da psique. O medo em excesso é uma erva daninha da mente. A coragem também não é somente o contrário de medo, mas também de permissividade e de apatia. Não devemos ter medo das mudanças. A única coisa que temos certeza é que tudo vai mudar. André Comte-Sponville disse o seguinte: “A coragem nem sempre é uma virtude moral, mas é um traço sem o qual toda moralidade seria impossível ou ineficiente. Pois, afinal, que lugar teriam o dever e a justiça na vida de alguém que sempre capitula diante dos próprios medos?”

“A lei da mente é implacável. O que você pensa você cria; O que você sente você atrai; O que você acredita, torna-se realidade.”

BUDA



BUDA - Siddharta Gautama (século VI a.C. - c.563 a.C. - c. 483 a.C.), em Kapilavastu, no sopé do Himalaia, território do atual Nepal. Mais conhecido como Buda, o iluminado. Filósofo, professor e líder espiritual, fundador do Budismo.

Somos Um!

Não fico triste com o ofensor ou o maledicente. Ficaria triste sim, se eu fosse o maledicente. Tenho consciência que a palavra negativa ou maledicente é o “lado escuro” da psique de cada pessoa. Isso significa sombra e não luz. Apenas passei a citar as colocações de Jesus que são realmente verdadeiras e dão um impacto enorme em espírito e em verdade e que devem ser relembradas em pleno século XXI. Jesus foi verdadeiro e não um maledicente. Jesus foi o espírito mais puro, ecumênico, transparente, autêntico, criativo, verdadeiro e incondicionado que já passou por esse orbe. Magoar alguém no século XXI que está repassando informações coerentes de forma gratuita como Jesus sempre fez é desastroso. Jesus, o Mestre dos Mestres, o Mestre do Amor, nunca pediu dinheiro ou cobrou nada de ninguém. Ele pregava o amor e a gratuidade. Alguém no século XXI tem alguma dúvida dessa informação?

Será que estou falando alguma inverdade citando as logias de Jesus?

Vocês sabiam que estamos trazendo para luz alguns pontos que estavam obscuros ou esquecidos ou mal interpretados no ensinamento de Jesus?

Vocês sabiam que ele pregava o amor e a gratuidade, mas sabia que a gratuidade não era desse mundo?

Como se revelou Jesus a nossa geração?

Jesus se revelou a nossa geração como libertador de tudo que nos oprime.

Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará.

Vocês sabiam que tudo que ele recebia do Pai ele compartilhava com todos gratuitamente?

Vocês sabiam que a sua espiritualidade estava totalmente voltada para o amor?

Vocês sabiam que a lição áurea é o amor?

Vocês sabiam que ele pregava a reforma íntima de cada Ser sem nenhum vínculo financeiro com seus irmãos espirituais?

Será que existe algum defeito em Jesus por ele praticar o amor e a gratuidade?

Será que o Espírito mais puro e ecumênico que já passou por esse orbe estava em erro ao compartilhar o seu amor de forma gratuita?

Será que não estou abordando apenas um lindo comportamento de Jesus?

Será que espiritualização ou evangelização tem alguma coisa a ver com dinheiro?

Vocês sabiam que a conviência com o diferente é fonte permanente de progresso e criatividade?

Vocês sabiam que não há saber mais ou saber menos e sim saberes diferentes?

Vocês sabiam que o pluralismo valoriza o imenso manancial da experiência da sabedoria e das condutas humanas?

Vocês sabiam que todos os seres humanos apresentam diferenças de opiniões, valores e costumes?

Vocês sabiam que a paciência e a tolerância são lindas virtudes espirituais?

A grande lição que Jesus deixou para nós foi de receber e compartilhar gratuitamente. Devoção ao amar e servir sem ambição ou ganância. Ele foi um “Pastor Pobre” que não tinha ambição por poder e nem por dinheiro. O Evangelho segundo o Espiritismo disse o seguinte: Haverá falsos Cristos e falsos profetas. A Consciência Crística no século XXI traz a luz sobre os pontos obscuros do seu ensinamento onde certas partes do Evangelho eram ininteligíveis.

Jesus foi muito claro em suas palavras:


Aquele que conhece tudo, mas não se conhece, está privado de tudo.

Feliz aquele que É antes de existir...

Antes de qualquer existência, Eu Sou!

O Logos ou Informação Criadora não pode morrer uma vez que não chegou a nascer. Aquele que crê nesse “não nascido --- não feito --- não composto” de se Ser, jamais morrerá...

Aquele que se abriu, nem que fosse durante um instante, para a vastidão do Incriado já é mais vasto do que o encadeamento das vidas e das mortes.

Eu Vos darei o que nenhum olho viu, o que nenhum ouvido ouviu, o que a mão nunca tocou e o que jamais penetrou no coração do homem.

Feliz o homem que passou por privações. Ele encontrou a vida.

Em verdade, em verdade vos digo: se alguém guardar a minha palavra não provará a morte.

Eu Sou a luz do mundo. Quem me segue não andará nas trevas, mas sim na luz da vida.

Eu Sou a luz que está em todos.

Nós somos luz e voltaremos para luz.

Se os teus olhos forem bons todo o seu corpo será luz.

Estou no mundo, mas não sou deste mundo.

Quem conhece o mundo descobre o corpo, mas o mundo não é digno de quem descobre o corpo.


Quem beber da minha boca se tornará como eu e eu próprio me tornarei ele e as coisas ocultas lhes serão reveladas.


Tudo que é composto um dia será decomposto.


Sede Passantes.


Eu revelo meus mistérios àqueles que são dignos deles.


Se um cego conduzir outro ambos vão cair.


Felizes sois vós os unificados, porque encontrareis o Reino: de fato, dele viestes e para ele voltareis.

Eu e o Pai Somos Um!


Eu não procuro a minha glória. Há quem procure e julgue.


Julgar o outro é julgar a si mesmo.

Vós julgais segundo as aparências, quanto a mim, não julgo ninguém.

E quando julgo, o meu julgamento é conforme a verdade porque não estou sozinho, mas com aquele que me enviou.

Meu julgo é leve!

Aquele de vós que estiver sem erro atire a primeira pedra.

Mulher, onde estão eles? Ninguém te condenou? Ninguém Senhor. Nem eu te condeno. Vai e, de agora em diante, não erres.

Quem me odeia, odeia também meu Pai.

Odiaram-me sem motivo.

Se o mundo vos odeia, sabei que antes odiou a mim.

Mas tudo isso vos farão por causa do meu nome, porque não conhece quem me enviou.

Reconhece aquilo que está à tua frente e o que te é oculto, lhe será revelado. Com efeito, não há nada encoberto que não será manifestado.

Aquele que procura não cesse de procurar até encontrar; e quando encontrar ficará perturbado; e ao perturbar-se, ficará maravilhado e reinará sobre tudo.

Quem de vós poderá acusar-me de descaminho?

Se eu vos digo a verdade, porque não acreditais em mim?

Eu Sou o caminho a verdade e a vida.


Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará.

Se vos tornardes meus discípulos e se escutardes as minhas palavras, essas pedras vos servirão.

Mostrai-me a pedra rejeitada pelos construtores. Essa é a pedra angular.

Muitas coisas ainda tenho para dizer-vos, mas não podeis compreender agora.


Quem tiver ouvidos para ouvir ouça!

Ninguém tem maior amor do que aquele que dá a vida por seus amigos.

Eu vos chamo de amigos porque vos dei a conhecer tudo que ouvi no meu Pai.

O que recebestes gratuitamente dai-o gratuitamente.

Há quem muito é dado, muito será cobrado.

Tirai daqui tudo isso e não façais da casa do meu Pai um comércio.

Se tendes dinheiro, não o empresteis a juros, mas dai-o àquele de quem nada recebereis em retorno.

Ninguém pode servir a dois senhores: com efeito, ou odiará um e amará o outro, ou se apegará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e ao Dinheiro.

Dai a Cesar o que é de Cesar, e a Deus o que é de Deus.

Felizes aqueles que foram perseguidos, esses foram que conheceram de verdade o Pai.

Quando vier o Defensor, que Eu vos enviarei da Parte do meu Pai, o Sopro da Verdade que procede do Pai, Ele dará testemunho de mim.

Quando ele vier, irá desvelar o que é o mundo e mostrará que há erro, justiça e julgamento.

Mostrará o que é erro, porque não creram e mim; o que é justiça, porque vou para o Pai e já não mais me vereis; o que é julgamento porque o Príncipe deste mundo já está condenado.

Se permanecerdes em minhas palavras, sereis verdadeiramente meus discípulos.

Por isso afirmo, quando o discípulo está aberto, fica repleto de luz. Mas quando está dividido, está mergulhado nas trevas.

Eu Sou o Pastor Verdadeiro. O Pastor Verdadeiro dá a vida por suas ovelhas.

Em verdade, em verdade Eu vos digo: Eu Sou a porta das ovelhas. Possuo ainda outras ovelhas que não são desse curral.

Haverá um só rebanho!

Na casa do meu Pai há muitas moradas.

Vós sois meus amigos, se fizerdes o que vos peço. Este é o meu mandamento: Amai-vos uns aos outros como Eu vos amei.

Qual é o sinal de vosso Pai que está em vós? Dizei: É o movimento e o repouso.

Aquele que vier a ser o hermeneuta destas palavras não provará a morte.

Quem está perto de mim está perto do fogo! Quem está longe de mim, está longe do Reino.

Em que dia virá o mundo novo? Aquilo que esperais, já veio, mas vós não o conheceis.

Se a carne foi feita por causa do espírito, eis que é maravilhoso, mas se o corpo foi feito por causa do espírito, eis o que é a maravilha das maravilhas. Quanto a mim, fico maravilhado pelo seguinte: Como esse Ser que É pode habitar o nada.


Que a paz esteja convosco!


JESUS CRISTO



Deus é Espírito, e quem o adora deve adorá-lo em Espírito e verdade.

Espírito é eterno e não imortal. Espírito é essência extrafísica e alma vivente é física. Não podemos confundir essência extrafísica com existência física. Espírito é diferente de alma vivente. Espírito é extrafísico, primário, imaterial e não local. Espírito é campo e não corpo. Espírito é um campo de informação inteligente e consciente que utiliza a energia como sua matéria prima. Alma vivente é física, secundária, transitória, impermanente, material, molecular e localizada. Espírito é diferente de alma vivente.

Vocês sabiam que nenhuma ciência individual saiu da interação mentecérebro de um único ser humano, isto é, todas elas, sem exceção, são produtos de observações sucessivas que se apoiam sobre observações precedentes até chegar ao desconhecido?

Vocês sabiam que o campo espiritual ou campo mental ou campo da consciência é que guia o comportamento da psicocélula?

Vocês sabiam que qualquer ser vivo tem consciência que está vivo?

A Consciência Crística voltou muito forte no século XXI!

A Informação e a Memória Crística estão muito fortes no século XXI!

Assim falou o Mestre dos Mestres, o Mestre do Amor: Antes de tudo existir, Eu Sou!

 Maravilhosa a afirmação de Jesus, não é? Eu Sou Espírito Eterno na essência extrafísica! Eu Sou Alma Vivente Transitória Impermanente na existência física!

A fraternidade é a pedra universal fundamental no século XXI. Se falharmos no amor teremos falhado em tudo. O amor incondicional é o maior alimento para o espírito. O amor é o único elo que pode realizar o ecumenismo e a união das civilizações no planeta Terra que vivemos.

A consciência deve ser o nosso guia!

A barreira imaginária entre ciência e espiritualidade está sendo dissolvida pouco a pouco. O sagrado agora também é científico.

Seja luz!

Expanda luz!

Luz e paz em seu caminhar!

José Eduardo Antonio de Mattos




José Eduardo Antonio de Mattos

Muita Paz e Luz.

Um beijo no coração de todos.

José Eduardo Antonio de Mattos
Angela Maria de Aquino Mattos